Soma dos acordos no TRT da 2ª Região (SP) na Semana da Conciliação Trabalhista ultrapassa R$ 100 milhões

0
5

“Menos Conflitos. Mais Soluções: com a conciliação o saldo é sempre positivo”. O slogan da 5ª Semana Nacional da Conciliação Trabalhista, que aconteceu entre os dias 27 e 31 de maio, foi comprovado, com resultados expressivos: na Justiça do Trabalho da 2ª Região (SP), a soma dos valores em acordo ultrapassou R$ 100 milhões, em quase 4,1 mil conciliações homologadas.

Os resultados, no entanto, vão além de números. A iniciativa corrobora o esforço permanente do TRT em disseminar e fomentar a cultura de conciliação, como explica o diretor do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Disputas (Nupemec-JT2), Luiz Antônio Loureiro Travain: “Após insistentes trabalhos estrategicamente voltados à disseminação da cultura de paz, percebemos claramente a transformação da cultura de sentença para uma eficiente cultura de pacificação e conciliação”. Ele também comentou sobre o maior alcance que essa estratégia tem proporcionado: “Nesta edição do evento, tivemos a participação ativa de grandes litigantes (entre os dez mais demandados no TRT) que, anteriormente, não dispunham de uma política de conciliação”.

Para a coordenadora do Nupemec-JT2 e vice-presidente administrativa do TRT, desembargadora Jucirema Maria Godinho Gonçalves, esse trabalho precisa prosseguir com essa excelência e ser expandido. Clique aqui para assistir a um pequeno trecho de uma entrevista na qual ela adianta uma novidade com relação a conciliações em segunda instância.

Concluída a Semana Nacional da Conciliação, prossegue o trabalho nos sete Centros Judiciários de Métodos Consensuais de Solução de Disputas (Cejusc-JT): Sede (no Fórum Ruy Barbosa), Sul, Leste, Guarulhos, Barueri, ABC e Baixada Santista. Enquanto novos conciliadores estão sendo formados, no Módulo III do atual Curso de Formação de Conciliadores da Escola Judicial (Ejud-2), as reuniões conciliatórias prosseguem: processos podem ser inscritos a qualquer momento para uma reunião conciliatória em um dos Cejuscs. Basta acessar, na aba Processos, o o Portal da Conciliação do TRT.

Fonte: TRT da 2ª Região (SP)

CSTJ

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here