Semana da Conciliação em SC gera R$ 13 milhões em acordos trabalhistas em três dias

0
93

Ao todo, foram promovidas 1,6 mil audiências, com 438 acordos firmados; Cejuscs foram responsáveis por 58% dos valores homologados. 

26/5/2022 – Mais de R$ 13 milhões em acordos foram homologados em Santa Catarina nos três primeiros dias da Semana Nacional da Conciliação Trabalhista, evento promovido pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho e que chega em sua sexta edição. Os números foram compilados pela Secretaria de Gestão Estratégica do TRT-12. 

Ao todo, juízes e servidores das 60 varas do Trabalho e dos 15 Centros de Conciliação (Cejuscs) da 12ª Região realizaram mais de 1,6 mil audiências, firmando 438 acordos. Os Cejuscs foram responsáveis por 31% das conciliações e 58% dos valores homologados – somente os de 2º Grau, Blumenau, Criciúma e Joinville arrecadaram, juntos, R$ 6,5 milhões. O número de pessoas atendidas chegou a 6,4 mil em três dias dias de evento, que encerra sexta-feira.

Em todo o Brasil, já foram homologados mais de R$ 460 milhões em 5,7 mil acordos firmados, totalizando 130 mil pessoas atendidas em três dias.

Audiências por vídeo

A maioria das audiências em Santa Catarina estão sendo feitas por videoconferência. A modalidade permite, por exemplo, que uma pessoa morando em outro estado ou mesmo fora do país possa participar da tentativa de acordo. 

Foi o caso de um processo de um bancário, que atualmente reside em Porto Alegre. A ação foi proposta no Fórum Trabalhista de Rio do Sul, mas a distância não o impediu de participar da audiência, graças à videoconferência. A conciliação foi mediada pela juíza Ângela Konrath, titular da 2ª Vara e coordenadora do Núcleo Permanente de Conciliação do TRT-12.

 

 

Fonte: TRT da 12ª Região (SC)

$(‘#lightbox-zvhs_ .slider-gallery-wrapper img’).hover(
function() {
const $text=$($($(this).parent()).next());
$text.hasClass(‘inside-description’) && $text.fadeTo( “slow” , 0);
}, function() {
const $text=$($($(this).parent()).next());
$text.hasClass(‘inside-description’) && $text.fadeTo( “slow” , 1);
}
);
$(document).ready(function() {
var zvhs_autoplaying=false;
var zvhs_showingLightbox=false;
const zvhs_playPauseControllers=”#slider-zvhs_-playpause, #slider-zvhs_-lightbox-playpause”;
$(“#slider-zvhs_”).slick({
slidesToShow: 1,
slidesToScroll: 1,
autoplay: zvhs_autoplaying,
swipeToSlide: false,
centerMode: false,
autoplaySpeed: 3000,
focusOnSelect: true,
prevArrow:
‘,
nextArrow:
‘,
centerPadding: “60px”,
responsive: [
{
breakpoint: 767.98,
settings: {
slidesToShow: 3,
adaptiveHeight: true
}
}
]
});
$(“#slider-zvhs_”).slickLightbox({
src: ‘src’,
itemSelector: ‘.galery-image .multimidia-wrapper img’,
caption:’caption’
});
});


Fonte CSTJ

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here