Mulher condenada por envolvimento em extorsões vai continuar presa 13.01.2020

0
3

​​Uma mulher condenada pela participação em grupo criminoso que extorquia comerciantes e motoristas profissionais na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, teve a prisão mantida por decisão do ministro João Otávio de Noronha, presidente do Superior Tribunal de Justiça. A prisão preventiva foi decretada em março de 2017 pela Justiça do Rio de Janeiro.

STJ

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here