MPF sedia 26ª Reunião do Fórum Perinatal sobre a relação entre gêneros e direitos sexuais e reprodutivos

0
5

19 de Junho de 2019 às 17h42

MPF sedia 26ª Reunião do Fórum Perinatal sobre a relação entre gêneros e direitos sexuais e reprodutivos

Evento abordou temas relevantes com relação à saúde de mulheres, homens e crianças

A imagem mostra a plateia assistindo a palestra da 26ª Reunião do Fórum Perinatal sobre a relação entre gêneros e direitos sexuais e reprodutivos.


Foto: Ascom / MPF

O Ministério Público Federal (MPF) sediou nesta quarta-feira (19) a 26ª Reunião do Fórum Perinatal da Região Metropolitana do Rio de Janeiro. O tema central foi “Masculinidades, relação entre gêneros e direitos sexuais e reprodutivos”. Desde 2015, o MPF é um dos integrantes do Fórum que se reúne bimensalmente.

O evento contou com diversas palestras. A primeira delas foi “Direitos sexuais e reprodutivos – Relação entre gêneros” por Ana Roberta Pires, da Área Técnica de Saúde da Mulher. Posteriormente, Sérgio Carrara, do Instituto de Medicina Social da UERJ, falou sobre a masculinidade e sua relação com incidências das ISTs (infecções sexualmente transmissíveis) e Marcio Ferreira, da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), abordou o tema do pré-natal masculino no município do Rio.

Para finalizar o evento, Carla Maciel, da Maternidade Carmela Dutra, falou sobre as estratégias para captação dos parceiros sexuais das gestantes com sífilis. Logo após esse momento, foi aberto um debate para esclarecer algumas dúvidas que surgiram durante a reunião.

Fórum Perinatal – O Fórum Perinatal, com previsão no art. 8º da Portaria GM/MS nº 1.459/2011, é parte constitutiva da Rede Cegonha instituída no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) e tem como objetivo ampliar a participação social na gestão desta política pública de saúde, sendo um espaço onde várias instâncias, entidades e sociedade civil se reúnem para a análise de situações e de dados territoriais, transformando-os em informações estratégicas para a implementação de ações e atividades que qualifiquem a linha de cuidado integral à saúde materna e infantil.

Trata-se de um espaço de encontro entre movimentos sociais, usuários e usuárias, gestoras e gestores, trabalhadores e trabalhadoras da saúde para a análise e tomada de decisão sobre temas relevantes com relação à atenção à saúde de mulheres, homens, crianças, desde o planejamento reprodutivo, passando pela gestação e parto, até o nascimento e crescimento do bebê.

Assessoria de Comunicação Social
Procuradoria da República no Rio de Janeiro
Tels: (21) 3971-9542 / 9543 / 9547
www.mpf.mp.br/rj
twitter.com/MPF_PRRJ


MPF

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here