Indeferida liminar em HC para prisão domiciliar de acusada de fraude no PIS e no abono salarial

0
217

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins, indeferiu o pedido de prisão domiciliar para uma mulher acusada pelo Ministério Público Federal (MPF) de ser mentora de organização criminosa que fazia saques fraudulentos do PIS e do abono salarial, benefícios pagos pela Caixa Econômica Federal.
HC 679767
Link da decisão:

Fonte: STJ