Honorário de administrador em recuperação de micro e pequena empresa deve se limitar a 2% da dívida

0
2

​​Por unanimidade, a Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu que as microempresas e empresas de pequeno porte em recuperação judicial devem pagar ao administrador judicial remuneração correspondente a até 2% dos valores devidos aos credores, independentemente do plano de recuperação adotado pela pessoa jurídica devedora.
REsp 1825555
Link da decisão:

Fonte: STJ